quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

O ESPORÃO DE OUTROS TEMPOS

Com o apoio do Núcleo Museológico do Esporão, iniciamos aqui a rubrica "O Esporão de outros tempos", que periodicamente trará até vós imagens antigas da nossa terra, das suas casas, das suas ruas e das suas gentes.
A foto que hoje publicamos é de meados da década de 40 do Século XX.
Tirada da Celada, vê-se ao fundo a Boleirinha, ainda sem lavadouro e com as casas de xisto ainda intactas. Destacando-se entre elas, pela sua cor e dimensão, a "Casa da Boleirinha".
A quem possa possuir mais informações sobre as pessoas ou as casas desta foto, agradeciamos que participasse comentando.

6 comentários:

Carvalhal-Miúdo disse...

Abílio,

Excelente iniciativa. Bela foto.
Na Boleirinha morou o tio Manuel Bandeira padrinho de baotismo de minha mãe, avô da minha prima Helena...
Tenho algumas recordações de infância junto à sua muito modesta casa.
Abraço
António M.R.Martins

pafonso disse...

Abilio, a Marisa enviou-te por email, mas como a probabilidade de leres os email è minima eu copiei o email para este comentario, ela falou com a Tânia Reis.

Aqui vão os nomes da foto terras do esporão

Quanto à fotografia falei com a minha avô e ela diz que são as seguintes pessoas:

A guardar as cabras é o primo Américo.

Da esquerda para a direita:

- Tia Florinda;
- Lurdes;
- Celeste;
- Deolinda;
- Avô Ermelinda com o meu tio Carlitos ao colo; e
- Tio Antonino (Irmão da avô Ermelinda).

A.C.B. disse...

Já fui ao E-Mail.
só 2 perguntas:

1)quem é a Tânia Reis?

2)Falas-te com a tua avô???

pafonso disse...

Abilio,

1. A Tânia Reis è a neta da D. Deolinda, bisnete da ti Ermelinda, sim a que tem a casa à frente da tua lá no Esporão.

2. Eu para falar com a minha avô tinha que ir à bruxa pois já faleceram as duas. Quem falou com a avô foi a Tânia.

Mas ouve lá, então um alfacinha que só passa de vez em quando ai pelo Esporão è que te têm de te explicar quem são as pessoas da terra? já não conheces os vizinhos da frente? aiaiaiai

diverte-te
Paulo Afonso

Anónimo disse...

Ola Abilio. Como sempre o primo Americo trata bem as cabritas,estavam gordinhas.Tempos com historias intersantes.Cada canto tem uma diferente ,e,eu ainda me lembro de algumas.A casa da Boleirinha como chamas devia ser a obra *fina*da epoca. Ate sexta a noite.Lembra-te que o nosso CARNAVAL e o melhor do Concelho de GOIS.(O.BANDEIRA)

M Barata disse...

Isto é uma maravilha! Já viste, descobrimos logo a identidade desta nossa gente!
Desculpa lá a transcrição do email da Tânia foi directo, a Tânia falou com a avó dela. Penso que a foto foi cedida à exposição pela D Deolinda.
Esta fotografia é mesmo um documento, não só pelas pessoas identificadas mas pelo contexto em que se insere...